quinta-feira, março 20, 2008

O Estojo (2)

Deolinda não tinha feitio para nervos. Bem vistas as coisas, não tinha feitio para coisa alguma. Quando Joaquim, cinco semanas antes, à porta da Zara do Colombo, subitamente se ajoelhou à sua frente e lhe pediu a mão, ela, após recuperar de um caju que se lhe atravessou na garganta, respondeu logo que sim. Não por convicção – e amor era um conceito que só conhecia das revistas que lia no escaparate do Feira Nova –, apenas porque já eram quase nove e meia da noite e ainda não tinha jantado.


– Deolinda Prazeres, eu, por minha honra, Joaquim Aleluia, peço-te a tua mão para contraíres matrimónio comigo.
Er… cof… cof… ai Nosso Senhor Jesus Cristo me acuda… cof… cof… sim, está bem… cof cof… bate-me nas costas, Quim, faz alguma coisa, homem de Deus…

Com o fruto do Cajueiro cá fora, beijaram-se brevemente e ela lembrou-se de uma coisa importante.


– Não era suposto haver um anel?
– Ora bolas! Esqueci-me dele no porta-luvas… eu vou lá…
– O tanas! Vamos mas é jantar.

E foram. À Portugália, que a fila para o Sr. Frango da Guia – de longe, o preferido de Deolinda – tinha para mais de vinte pessoas.


– Estás contente? – perguntou ele, molhando uma batata frita na gema do ovo a cavalo.
– Eh! – exclamou ela, encolhendo os ombros. – Gosto mais do franguinho, mas como desta vez até pediste da vazia… – e voltou a encolher os ombros.

(continua)


boomp3.com

14 comentários:

Maria Liberdade disse...

Gosto do ovinho a cavalo...

Anjo De Cor disse...

Rui passei para te desejar uma boa páscoa, confesso que ainda não tive tempo para leer os textos sem ser na diagonal ... o trabalho tem sido muito, mas depois da páscoa agarro-me ;)
Beijinhos e nada de exagerar com as amêndoas!
Sónia & Paulo

angela disse...

que animada ficou a Deolinda com a proposta :P

Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras disse...

Gosto de te ler.
De férias e com mais tempo para visitar os vizinhos bloguers, encontrei aqui um momento único de rara conjugação de palavras com mestria.

Um beijo e boa Páscoa

lélé disse...

Realmente!... O entusiasmo da Deolinda é estonteante!... Vamos lá a ver se na hora H ela também vai encolher os ombros...
(que será que entusiasma essa mulher?... além do franguinho, claro!...)

Claudia Sousa Dias disse...

:-)

Ah, esses nervos...


Beijinho e boa páscoa com muitos chocolatinhos...a uma boa pastinha de "nero fondente" não há nervos que resistam...

Beijinho


CSD

Vieira Calado disse...

O texto fez-me recuar 40 anos, quando o supra-sumo era ir à Portugália comer um bife com um ovo a cavalo.
Boa Páscoa

nana disse...

muito bom...


;o)

MGB disse...

Acho imperdoável que o Quim se tenha esquecido do anel no porta-luvas...apesar de a Deolinda ser uma mulher prática e, pelos vistos, desprendida de certos detalhes, tenho a certeza que o Quim ainda há-de vir a pagá-las.:)

mixtu disse...

eu numa mulher gosto do anel...
yayyaa
e zara... é barato...
sai um bitoque

yaya

abrazos serranos

Andreia Ferreira disse...

Eheheheh. Delicioso... O ovo também :D *

Teresa Durães disse...

cada vez mais irónico

segurademim disse...

... que noiva pragmática

temos mulher!!!

Gi disse...

Se comesse o franguinho ainda ficava com algum ossito entalado e lá ficava o rapaz viúvo antes de casar.
vou ao estojo 3